Coluna Os Antípodas: Como ser mais sustentável? – Presentes mais sustentáveis para bebês

Galera, a Marcela e eu somos novos papais. Nossa bebê, a Aira, já tem mais de três meses :). Baseado em nossa experiência pessoal, observei que 80% das pessoas que vem visitar um bebê pela primeira vez trazem um presentinho.

Já que parece que uma parte das pessoas se sente obrigada a trazer um presente, vamos dar umas dicas de sustentabilidade no momento de escolher um presente para um bebê:

1) Conheça os pais.
Era para ser óbvio, mas não é. Você só vai acertar no presente se você conhecer os pais da criança, saber no que eles acreditam, como pretendem criar este lindo ser que acaba de chegar ao mundo. Um exemplo de equívoco no presente: dar um pacote de fraldas descartáveis a pais que usam fraldas de pano.

2) É menina? Fuja do lugar-comum. É menino? Também.
Há tantas cores lindas na natureza, por que devemos sempre dar presentes com a mesma cor para um bebê? Por que sempre rosa para meninas? Por que sempre azul para meninos? Podemos e devemos ser mais criativos.

3) Por que presente novo? 
Controle seu ímpeto consumista. Há muitos bebês e muitas pessoas comprando coisas para bebês. Sabemos que essas coisinhas fofas crescem rápido, beeem rápido. Então, para onde vai tudo o que já perdeu utilidade? Uma parte das coisas fica guardada e esquecida, outra parte é doada e outra parte vira lixo.

Gente, tudo o que é novo traz consigo seu impacto ambiental pelo uso de água, uso de “pedacinhos de meio ambiente” para fabricar o item, geração de lixo, lançamento de gases na atmosfera devido ao transporte, etc etc etc. Prefira coisas usadas que estão lá esperando por um novo dono. Se é para comprar, por que não ir a um brechó de roupas infantis? (Sim, em Ourinhos tem mais de um).

4) Faça você o seu presente!
Legal também é fazer você mesmo o seu presente artesanal. Use a criatividade: faça um móbile ou um bonequinho com objetos reutilizados, use seus dotes manuais para fazer uma roupinha de crochê ou um cachecol. Vale também presentes para os pais, como um vale faxina ou um vale almoço. No vale faxina você combina um dia de ir na casa dos pais para fazer uma faxina para eles (ou paga um profissional para isso), e dar um descanso para quem cuida da limpeza doméstica. No vale almoço você leva um almoço completo para a família, para que não tenham que se preocupar em preparar comida naquele dia. Use a criatividade!

5) Detalhes que fazem a diferença
Para embalar o presente, você pode reutilizar embalagens antigas, fazer uma embalagem artesanal ou até usar um tecido bonito como embalagem (e pegá-lo de volta para o próximo presente, afinal de contas você está dando um presente e não uma embalagem).

O que vale é sair da normose, usar a criatividade, fazer diferente, surpreender e ser mais
sustentável.

Quer nos conhecer mais? Acesse www.osantipodas.com
Até o próximo texto!!

Comentários no Facebook