Simone Etiene canta pelo terceiro ano consecutivo no Palco Alternativo da FAPI, nesta sexta, 10

simone_fapi_2Apesar de esvaziado na edição deste ano e reduzido a apenas três dias de shows, após quase ter sido “abortado” da programação pelos organizadores da Feira, o palco alternativo da FAPI, projeto criado pela secretaria municipal de Cultura para dar espaço aos artistas locais, terá como uma de suas atrações principais, a ourinhense Simone Etiene, que participará pelo terceiro ano consecutivo do evento, fazendo seu show nesta sexta-feira, 10, a partir das 20 horas.

Durante seu show, Simone apresentará um repertório diversificado, indo desde a sertaneja raiz até os clássicos do rock nacional e internacional, além de músicas de composição própria, com destaque para a nova música de trabalho “miga sua louca” que deve ter vídeo clipe lançado em breve.  Com forte presença de palco, Simone deve contagiar mais uma vez o público fiel que sempre acompanha seus shows nos bares da cidade e da região.

 

Carreira de Simone

Em 2014, aos 15 anos de carreira artística, Simone lançou seu primeiro CD, composto por sete músicas, seis delas de sua própria autoria e uma delas composta por seu pai, Aldo José. O grande hit do Cd foi a música ‘sexta-feira’, cujo vídeo clipe teve milhares de visualizações e compartilhamentos no You Tube.

 

Maria Gadú canta no palco alternativo

Como felizmente nem só de Anitta vive a música brasileira, nesta quinta-feira, 09, mesmo noite em que a controvertida cantora funk se apresenta no palco principal da FAPI (cujo show deveria ter acontecido na abertura da Feira, no dia 04, sendo cancelado horas antes pela produção da cantora, sob a justificativa de que a artista carioca estaria internada, sedada e inconsciente, com  suspeita de zika, fato que gerou suspeitas, já que no dia seguinte a cantora viajou para Paris, para assistir o Festival de Cannes) acontecerá os primeiros shows do palco alternativo da 50ª FAPI. As 19 horas, se apresenta a banda Broove de Campinas, cujas canções passeiam entre a MPB e o pop rock.  Em seguida, as 20 horas, a cantora Maria Gadú sobe ao palco pela primeira vez na cidade de Ourinhos. Coordenado pela Secretaria Municipal de Cultura, a conquista do show é uma parceria com a Secretaria de Estado da Cultura, APAA (Associação Paulista Amigos da Arte) e seu programa Circuito Cultural Paulista.

O show é formado pelo repertório do disco novo, “Guelã”, no qual Maria Gadú transcende as expectativas trazendo sonoridades inovadoras, sustentadas por um álbum muito bem conceituado e amarrado, evidenciando sua habilidade de surpreender, transbordando musicalidade e lirismo. O álbum foi indicado ao Grammy Latino na categoria “Melhor Álbum de Música Popular Brasileira”. O show também conta com a compilação dos maiores sucessos da artista.

Maria-Gadu