Teatro Municipal apresenta peça “Cala boca já morreu”, nesta quinta, 15, às 20h

Como parte da Mostra de Teatro ‘Sergio Nunes’, será apresentada nesta  quinta-feira, 15, às 20h, no Teatro Municipal, a peça teatral “Cala boca já morreu”.

Com direção e adaptação de Karina Zimmermann, a peça retrata a vida de um jovem interiorano em São Paulo nas décadas de 60 e 70.

O espetáculo será gratuito e basta chegar pouco antes das 20h, para assistir, sem necessidade de retirar ingresso com antecedência.

 Sinopse

João é um jovem interiorano que chega a São Paulo para tentar uma vida melhor. Logo conhece seu Atílio, um homem mais velho e experiente em revoluções e direitos trabalhistas. Juntos, vivenciam parte da história de migrantes que chegaram a São Paulo nos anos 60 e 70, com as malas cheias de sonhos e ilusões, mas logo descobrem que a realidade é bem diferente.
No cenário a estação Júlio Prestes, o Viaduto do Chá, o bairro do Bexiga, as ruas do centro antigo da grande cidade.
“Cala boca já morreu” faz humor a partir de um tema sério: a situação dos trabalhadores brasileiros, de migrantes que chegam à cidade grande e que se tornam presa fácil para a exploração, desemprego, desrespeito, violência e miséria. A crise política e econômica que de forma espiral está sempre presente na vida dos brasileiros e a repressão política no Brasil.

Serviço

Peça: Cala Boca já morreu

Comédia dramática 
12 anos
Entrada Franca

Elenco: Maikon Zambido Serrano, Leandro Bertola, Aline Faria, Adriana Burani, Beatriz Salmen, Carol Toalhares, Gabrielle Candido, Izadora Tojeiro Giordani, Julia Beghetto, Jaime Ciro, Luan Cristian Zambido Serrano, Marcelo Sanoli, Mariana Vita, Sophia Campos, Vitória Claro, Wagner Rodrigues

Direção/ adaptação- Karina Zimmermann
Texto- Luís Alberto de Abreu
Fotografia: Gustavo Gomes Ourinhos
Cenário: Karina Zimmermann (criação) e Panela de Expressão (execução)
Figurino: Panela de Expressão
Iluminação: Aparecido dos Anjos ( Neguitinho)
Sonoplastia: Karina Mori Zimmermann e Maikon Zambido Serrano

Comentários no Facebook