Fies ofertará cerca de 60 mil vagas remanescentes em 2023

Ministério da Educação (MEC) voltará a editar, a partir deste mês, a convocação para ocupação de vagas remanescentes do Fundo de Financiamento Estudantil (Fies), interrompida desde 2021.  A oferta prevista é de cerca de 60 mil vagas, destinadas a estudantes já matriculados em instituições de ensino superior participantes do Fies. Os inscritos serão classificados com base nas notas obtidas no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem).     Os prazos de inscrição e todos os critérios exigidos para participar do processo seletivo para ocupação das vagas remanescentes do Fies serão divulgados até outubro, por meio de edital.

 Classificação – Diferente de edições passadas do Fies para vagas remanescentes, quando a ocupação das vagas se dava por ordem do registro da inscrição no sistema, nas próximas edições, os inscritos serão selecionados de acordo com a classificação de suas notas no Enem. Serão consideradas as edições do exame a partir de 2010.

 Instituições de ensino – Outro destaque é que todas as mantenedoras de instituições de ensino superior privadas poderão participar do próximo processo seletivo para ocupação de vagas remanescentes do Fies, independentemente de ter participado de edições do Fies já realizadas em 2023. Anteriormente, apenas as mantenedoras que aderiam aos processos seletivos regulares podiam ofertar vagas nos processos de ocupação de vagas remanescentes. Os prazos e critérios para participação das instituições de ensino nesse processo do Fies de vagas remanescentes serão definidos em edital previsto para ser publicado até o final do mês.

 Fies – O Fundo de Financiamento Estudantil (Fies) oferta vagas para que os estudantes possam financiar os seus estudos, prioritariamente, em cursos de graduação em instituições não gratuitas, cujos cursos obtenham avaliação positiva no Sistema Nacional de Avaliação da Educação Superior (Sinaes), sendo considerada avaliação positiva a obtenção de conceito igual ou maior a três.
Fonte :Assessoria de Comunicação Social do MEC