Santa Casa de Ourinhos tem nova turma de médicos residentes

O Programa de Residência Médica da Santa Casa de Ourinhos iniciou 2022 com uma nova turma de médicos residentes. Neste ano, são cinco novos residentes em Clínica Médica, seis em Clínica Cirúrgica e três em Ortopedia e Traumatologia.

Para marcar o início do programa, a Santa Casa de Ourinhos promoveu na terça-feira (1º de março) um evento para recepção e integração dos novos médicos residentes, no auditório do hospital, onde foram dadas as boas-vindas aos residentes. Em seguida, houve uma capacitação sobre as normas e rotinas da instituição e o esclarecimento dos objetivos a serem alcançados no período do programa de residência médica do hospital.

Durante a integração, foram apresentados alguns dados sobre a Santa Casa de Ourinhos como a realização de mais de 53 mil atendimentos por ano, com uma média de pouco mais de 4 mil atendimentos por mês, sendo deste total 80% SUS. Além disso, hoje o hospital conta com 115 médicos no Corpo Clínico e 33 especialidades.

Estiveram presentes na integração o vice-presidente da Santa Casa de Ourinhos, Rubens Vertemati, o médico responsável geral da COREME (Comissão de Residência Médica), Dr. Luís Felipe Vellacich Yubi, a Coordenadora da Residência Clínica Médica, Dra. Maria Thereza Almeida Fagundes, Dr. Thiago Saldanha Rodrigues, Coordenador da Residência em Clínica Cirúrgica; o Ortopedista Dr. Rafael Mota, o Médico Hematologista e Diretor Técnico da Santa Casa Dr. Paulo Novita e Ortopedista Ivonir Fagundes Alves Júnior.

O vice-presidente da Santa Casa de Ourinhos, Rubens Vertemati, desejou boa sorte a todos os médicos residentes”. Aproveitem esses anos aqui conosco. É um período que vai passar muito rápido, com certeza vocês terão um aprendizado muito bom aqui, sairão bem formados e terão muito sucesso na carreira”.

Dr. Luís Felipe Vellacich Yubi destacou que o objetivo é realizar um trabalho para que todos os residentes concluam o programa com uma boa formação médica. “Todo ano recebemos uma nova turma, a maioria de recém-formados, e sabemos que a residência médica proporciona um diferencial enorme na vida profissional dos médicos. A bagagem que você adquire nesses dois, três anos de residência é fundamental. Foi assim na minha formação e será assim para esses jovens”.

Márcio Santana Júnior, formado em Medicina pela Faculdade de Alfenas, em Minas Gerais, e que integrará a Residência em Clínica Médica, contou o que o levou a escolher a Santa Casa de Ourinhos. “Busquei informações sobre a qualidade do serviço da Santa Casa de Ourinhos, tive ótimas referências, principalmente de amigos da região, e decidi prestar aqui porque sei que terei uma carreira qualificada ao realizar a residência médica na cidade”.

José Henrique São João Peres, que fará Residência em Ortopedia e Traumatologia, também afirmou que teve ótimas referências da Santa Casa de Ourinhos. “Tive boas referências da Santa Casa de Ourinhos, o programa é bem acadêmico, conta com boa aprovação dos médicos residentes e a minha expectativa é sair daqui com uma boa formação”.

O Programa de Residência Médica da Santa Casa de Ourinhos completou esse ano 10 anos de atividades. O hospital vem se destacando nos últimos anos com sua formação de médicos altamente qualificados, sendo que a residência em Clínica Médica tem a duração de dois anos e três anos as residências em Clínica Cirúrgica e Ortopedia e Traumatologia.

Fonte : Assessoria Sta Casa de Ourinhos

APOIE

Seu apoio é importante para o Jornal Contratempo.

Formas de apoio:
Via Apoia-se: https://apoia.se/jornalcontratempo_apoio
Via Pix: pix@contratempo.info