Dono de sítio frequentado por Lula coloca sigilos à disposição

Do Brasil  247 – Defesa do empresário Jonas Suassuna, um dos proprietários do sítio frequentado pelo ex-presidente Lula e sua família em Atibaia, informou aos investigadores da Operação Lava Jato que colocou seus sigilos bancário e telefônico à disposição da Justiça; Suassuna também deseja ser ouvido sobre o caso o mais rápido possível; nesta segunda-feira, o MPF agendou para o próximo dia 25 o depoimento que Suassuna deverá dar aos integrantes da força-tarefa da Lava Jato

 

247 – Os advogados de defesa de Jonas Suassuna, um dos proprietários do sítio frequentado pelo ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e sua família em Atibaia, interior de São Paulo, informaram aos investigadores da Operação Lava Jato que o empresário colocou à disposição da Justiça os seus sigilos bancário e telefônico. A defesa também afirma que Suassuna pretende ser ouvido pela Justiça o mais rapidamente possível.

A Lava Jato investiga suspeitas de que diversas obras de melhoria realizadas no sítio tenham sido bancadas por empreiteiras investigadas, em uma espécie de compensação por obterem contratos com o governo. Os investigadores também tentam encontrar ligações de que a propriedade – que também tem o empresário Fernando Bittar como proprietário – teria alguma ligação com o ex-presidente.

“Nos antecipamos porque tivemos notícia pela imprensa de que o inquérito foi desmembrado. Como algumas informações estão distorcidas, Jonas Suassuna tem interesse em prestar todos os esclarecimentos à força-tarefa”, disse o advogado de Suassuna, Ary Bergher. Nesta segunda-feira 15, o Ministério Público Federal agendou para o próximo dia 25 o depoimento que Suassuna deverá dar aos integrantes da força-tarefa da Lava Jato.

http://www.brasil247.com/pt/247/brasil/217120/Dono-de-s%C3%ADtio-frequentado-por-Lula-coloca-sigilos-%C3%A0-disposi%C3%A7%C3%A3o.htm